Feriados

Datas festivas mais importantes do ano

Falta muito pouco para chegar uma das datas mais importantes do ano, a Páscoa. Além de procurar por ovos de páscoa para presentear toda a família, que tal aprender a fazer arranjos para enfeitar a mesa da Páscoa neste dia tão especial? Confira a seguir, uma série de dicas que separamos para você aprender a como fazer seus próprios arranjos de flores para páscoa de forma simples e criativa.

Dicas de arranjos de flores para a Páscoa

Para fazer uma bela Decoração de Páscoa 2019, é possível com um pequeno e belo arranjo de páscoa, não precisa de muitos tons e nem gastar muito. O requisito necessário é usar a criatividade e para montar seu próprio arranjo, siga os seguintes passos:

  • Pegue alguns materiais: Um prato sem saliências, uma vela grossa e alguns ovos fervidos;
  • Coloque a vela na região central do prato e depois, distribua os ovos ao redor, e fixe-os ao prato, um por vez;
  • Para dar um acabamento final, coloque algumas flores pequenas de primavera entre os ovos. E pronto! Em apenas alguns minutos você já montou um lindo e delicado arranjo de páscoa.

O verde da Páscoa com um toque de branco e cor-de-rosa. Outra dica de arranjo para páscoa é enfeitar algum local escolhido com ovos artificiais coloridos, que você mesmo pode pintar. E também, saiba que os arranjos de flores naturais prontos são muito requisitados nesta época para enfeitar a mesa de páscoa. Você pode optar ainda por uma Cesta de Páscoa e decora-la como preferir.

Os ovos de páscoa coloridos, além de alegrarem o ambiente também vai agradar muito às crianças, por isso, outra dica é você fazê-los cheios de doces para animar os pequenos.

Os arranjos de flores para páscoa são uma forma de demonstrar o significado desta data tão especial, além de deixar o espaço transformado, e com uma atmosfera mais alegre e encantadora. Por isso, mesmo que você opte por não fazer o seu próprio arranjo de páscoa, você pode procurar pelos que já vem pronto, e assim, não deixar de enfeitar sua mesa neste dia.

Benefícios

Todo trabalhador brasileiro tem direito a auxílios quando fica desempregado

Todo trabalhador brasileiro tem direito ao auxílio seguro desemprego, no entanto o trabalhador precisa está dentro dos requisitos e se encaixar nas novas regras. Veja como dar entrada no seguro desemprego e em que momento podemos solicitar esse benefício.

O seguro desemprego é um benefício garantido e previsto na Constituição Federal a todo trabalhador brasileiro dispensado de seu emprego sem justa causa, ou seja, o trabalhador que por algum motivo perdeu o vínculo empregatício com a antiga empresa, pode solicitar esse benefício.

Atualmente existem cinco formas para pagamento do seguro desemprego que são:

  • Seguro Desemprego Formal – Benefício temporário dado ao trabalhador desempregado sem justa causa.
  • Seguro Desemprego Pescador Artesanal – Esse benefício destina-se aos pescadores profissionais que realizam trabalhos de formas artesanais, individuais ou em gestão de economia familiar. Esse benefício também é temporário e é concedido ao pescador no momento em que as atividades de pesca são paralisadas devido ao período defeso (época em que os animais começam a se reproduzir).
  • Bolsa Qualificação – Esse seguro é indicado para profissionais que tiveram seu contrato de trabalho suspenso, para participar de um curso ou de um programa de qualificação profissional oferecido pelo empregador.
  • Seguro Desemprego Empregado Doméstico – É indicado para o empregado doméstico cadastrado na Previdência Social. Para dar entrada nesse benefício o empregado não pode ter sido mandado embora por justa causa e precisa ter trabalhado nesta função por no mínimo 15 meses nos seus últimos 24 meses.
  • Seguro Desemprego Trabalhador Resgatado – Destinado os trabalhadores que comprovarem que realizam trabalho forçado ou em condições de escravos.

Confira aqui outras informações sobre os benefícios citado acima. Conforme mencionado anteriormente o trabalhador que deseja dar entrada no seguro desemprego (pela primeira), não pode ter sido desligado da empresa por justa causa e além disso o trabalhador também precisa ter trabalhado um período mínimo de 12 meses consecutivos.

Observação: para dar entrada pela segunda vez o trabalhador precisa ter trabalhado o equivalente a 9 meses ininterruptos, e para dar entrada da terceira vez em diante são necessários 6 meses de trabalho consecutivos.

O primeiro passo para dar entrada no seguro desemprego é agendar dia, hora e local para levar o requerimento do seguro e os outros documentos necessários, lá eles vão informar os valores a receber e o prazo para receber. Veja aqui o passo a passo de como agendar seguro desemprego.

Documentos Necessários

Não tem como dar entrada no seguro desemprego sem seus documentos pessoais, então fique atento para não esquecer de nenhum.

  • Carteira de trabalho;
  • Documento de identificação na validade;
  • CPF;
  • PIS/PASEP ou extrato atualizado;
  • Requerimento de Seguro Desemprego / Comunicação de Dispensa impresso pelo Empregador Web no Portal Mais Emprego (via marrom e verde);
  • Comprovante dos depósitos no FGTS ou extrato comprobatório dos depósitos;
  • Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho, com o código 01 ou 03 ou 88, devidamente homologado, para os contratos superiores a um ano de trabalho ou Termo de Quitação de Rescisão do Contrato de Trabalho (acompanha o TRCT) nas rescisões de contrato de trabalho com menos de um ano de serviço ou Termo de Homologação de Rescisão do Contrato de Trabalho (acompanha o TRCT) nas rescisões de contrato de trabalho com mais de um ano de serviço.

Caso tenha outras dúvidas acesse o site oficial da MTPS ou através do telefone 0800 7260207 (Caixa Econômica) ou 135 (Atendimento Previdenciário).

 

Educação

Com profissionalização será mais fácil de ingressar no mercado de trabalho

A profissionalização e o domínio do conteúdo teórico podem ser o diferencial que você precisa para se destacar no mercado de trabalho e obter as melhores vagas com as melhores remunerações e se você está procurando por cursos técnicos, de graduação, ou pós-graduação, ou se você está pretendendo terminar o ensino médio, com o Educa Mais Brasil é possível.

O Educa Mais Brasil é um programa desenvolvido com o intuito de facilitar o acesso à educação para a população brasileira que quer estudar, mas possui baixa renda.

Os candidatos passam por um processo seletivo e concorrem à bolsas de estudos que aproximam as mensalidades dos valores que o cidadão pode pagar.

Esta foi a forma que o Grupo educar encontrou de garantir melhor qualidade de vida ao cidadão, gerar profissionais qualificados, e contribuir para o país, de uma forma ampla.

Inscrições em Salvador

As inscrições Educa Mais Brasil 2019 para concorrer a bolsas de estudos são realizadas diretamente no site. Este é o primeiro passo para se candidatar a uma vaga no curso pretendido.

É preciso atender a alguns critérios para fazer a inscrição, como a comprovação de que não pode pagar o valor integral da mensalidade.

Para se inscrever primeiro selecione o curso que mais interessa. Você será pedido para escolher mais opções. Repita o procedimento.  Complete seu cadastro e aguarde um e-mail de aprovação.

Com a carta de aprovação em mãos basta que o aluno compareça à Instituição de ensino desejada e entregue a carta, para ter o desconto em suas mensalidades.

Cursos do Educa Mais Brasil disponíveis na cidade de Salvador

Confira agora alguns cursos disponíveis na cidade de Salvador:

Graduação EAD:

  • Administração
  • Comércio Exterior
  • Gestão em Turismo
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Gestão Pública
  • Matemática
  • Pedagogia

Graduação Presencial:

  • Administração
  • Biomedicina
  • Comunicação Social
  • Enfermagem
  • Engenharia Ambiental
  • Farmácia
  • Nutrição

Cursos profissionalizantes:

  • Açúcar e Álcool
  • Designer Gráfico
  • Gestão Financeira
  • Programador
  • Rotinas Administrativas
  • Webdesigner

Técnico Presencial:

  • Análises Clínicas
  • Enfermagem
  • Farmácia
  • Radiologia
  • Saúde Bucal
  • Técnico em Óptica

Esta é uma pequena amostra da variedade de cursos encontrados nestas modalidades. A lista de cursos é muito maior que esta, e você pode contar com muitas opções. Certamente uma delas será a sua preferida!

Não perca tempo! Inscreva-se agora através do site do Educa Mais Brasil, e comece hoje mesmo a mudar a sua história, construindo um futuro melhor para você e para sua família!

Acredite, com o Educa Mais Brasil, é possível!

Trânsito

Aumento de acidentes no Brasil preocupa

O candidato que está no processo de tirar a sua CNH sabe que entre as etapas é preciso passar pela prova teórica. Para ter conhecimento da prova original, o Simulado DETRAN SP permite que os alunos estudem as questões da prova original. Para saber como utilizar este Simulado DETRAN SP, confira as dicas abaixo.

Veja ainda dicas de como realizar o pagamento de impostos do seu veículo, como o Seguro Obrigatório DPVAT SP.

Passo a passo para obter sua CNH

Para quem deseja tirar sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) não é complicado basta seguir as recomendações abaixo, confira:

  • Procure uma autoescola para lhe passar detalhes sobre os processos burocráticos;
  • Depois faça um cadastro no Detran da sua cidade para o cadastramento biométrico;
  • Em seguida, marca o exame e psicotécnico conforme indicado pelo CFC, Curso de Formação de Condutores;
  • Vá até a autoescola e leve os laudos dos exames e agende o início das aulas teóricas;
  • Após passar no exame teórico marque as aulas no Simulador de Direção Veicular.

A autoescola pode indicar o local para fazer o simulador.

  • Comece as aulas práticas de direção.

Após ter completado todo o período:

  • O candidato já está pronto para fazer a avaliação final;
  • Se ele for aprovado sua carta vai chegar em até cinco dias. Com isto a permissão de dirigir tem validade de um ano.

➜ Veja também como fazer o teste do:

Simulado Detran PR

Simulado Detran RS

Exame da CNH

O exame teórico da CNH é a forma de avaliar o candidato e verificar se ele demonstrou conhecimento nas questões de trânsito.

Nesta prova o candidato vai fazer questões do tema de: Cidadania; Direção Defensiva; Legislação; Meio Ambiente e Primeiros Socorros.

Com trinta questões o futuro condutor precisa acertar apenas 21 questões do simulado DETRAN, totalizando 70% da prova. Todo o teste é apresentado em forma de quatro questões com apenas uma alternativa correta.

Para se sair bem na prova o Centro de Formação de Condutores (autoescolas) oferece em sua grade um curso teórico de 45 horas aulas. Lembrando que a primeira habilitação só pode ser feita nas categorias A, B ou AB.

Placas de Trânsito Detran

Algo bastante comum de cair nas provas do Detran são as placas de trânsito. Cada uma delas tem relação à sinalização de regulamentação de advertência ou indicação. Confira a seguir cada uma:

Deste modo, as placas de advertência são:

  • Apresentam cor amarela e alerta o motorista sobre as condições perigosas, obstáculos ou restrições na via ou adjacentes.

As placas de regulamentação são:

  • Auxiliam o condutor a cumprir as regras e estão na cor vermelha. Elas informam sobre condições, proibições, obrigações ou restrições.

As placas de Sinalização de Indicação são:

  • São as placas de identificação, de orientação de destino, educativas, de serviços auxiliares ou placas de atrativos turísticos, além de sinalização de obras.

Simulado DETRAN SP

O site do Detran de São Paulo não oferece a opção do simulado para os candidatos. Entretanto é possível se preparar por meio do portal dos outros estados.

Deste modo, ainda assim o Simulado DETRAN SP é uma alternativa para testar seus conhecimentos e garantir que o usuário consiga uma boa pontuação na prova oficial.

Além disso, todas as questões são escolhidas com base no banco de dados do Detran, portanto, são verídicas e pode coincidir de cair no dia do exame oficial.

Para fazer o teste e saber como funciona, confira nossas orientações, lembrando que o DETRAN SP, não possui esta opção, portanto o usuário deve usar os sites a seguir.

Trânsito

Informações a proprietários de veículos automotores de Minas Gerais

Além dos impostos convencionais que todos os moradores de Minas Gerais são obrigados a pagar, existe um em especial que deve ser pago por alguns proprietários de veículos: o IPVA 2019 MG Fique sabendo se você precisa pagar o IPVA 2019 MG e conheça mais informações na matéria de hoje!

Isenção do IPVA MG

Existem alguns veículos que são considerados pelo governo como casos especiais e recebem a isenção de pagamento do IPVA 2019 MG.

A lista de isenções para o ano de 2019 ainda não divulgada. Assim que isso acontecer, nós atualizaremos o nosso blog. Por enquanto, você confere as isenções de pagamento de 2018. Confira:

  • Veículos pertencentes aos órgãos diplomáticos brasileiros;
  • Veículos utilizados em atividades agrícolas;
  • Máquinas que exerçam atividades de terraplanagem, guindastes, empilhadeiras e máquinas utilizadas na construção civil;
  • Veículos utilizados para fazer o transporte rodoviário de passageiros mediante a cobrança de passagem;
  • Motocicletas com capacidade de até 50 cilindradas;
  • Micro-ônibus e ônibus utilizados para o transporte público de passageiros, desde que devidamente autorizados pelos órgãos competentes;
  • Veículos adaptados para pessoas com qualquer tipo de deficiência;
  • Veículos do Corpo de Bombeiros utilizados para apagar incêndios;
  • Embarcações utilizadas pelos pescadores em suas atividades de pesca;
  • Veículos que tenham mais de 15 anos de fabricação.

Valor e Pagamento do IPVA

Para se determinar o valor do IPVA 2019 MG é necessário fazer uma conta simples. O valor corresponderá à porcentagem determinada pelo Governo de Minas Gerais aplicada sobre o valor venal do seu veículo.

As alíquotas que deverão ser aplicadas em 2019 ainda não foram divulgadas. Os valores vigentes em 2018 são:

  • Veículos e Utilitários: 2,5%
  • Veículos acima de R$ 120 mil: 3%

O pagamento do IPVA, em 2018, foi feito à vista ou parcelado. Quem optou pelo pagamento à vista recebeu desconto de 10%. Os pagamentos parcelados puderam ser divididos em até 3 vezes, sem desconto.

Onde Pagar?

Você poderá realizar o pagamento desse imposto nos seguintes estabelecimentos:

  • Banco Bradesco
  • Banco do Brasil
  • Santander
  • Casas Lotéricas
  • Banco Itaú

Como Emitir a Guia de Pagamento do IPVA MG?

Você sabia que é possível conferir a situação dos débitos do seu veículo e ainda emitir a sua Guia de Pagamento do IPVA 2019 MG pela internet?

Para fazer isso, siga os passos abaixo:

  • Acesse o site oficial do DETRAN clicando aqui;
  • Preencha as informações de RENAVAM e o código de segurança;
  • Digite os caracteres da imagem e clique em “Confirmar”.
Uncategorized

Design, Arte, Tecnologia e Cultura

Bom, como percebem, estamos de volta ao Brasil. E cheios de novidades pra contar.

Como terminei no último post, eu, Feliz e Lucyano fomos para a Argentina uma semana antes do Trimarchi, pra aproveitar e conhecer um pouco de Buenos Aires. Mas chegamos em Mar del Plata na quarta, pra participar do Pictoplasma na quinta.

Mar del Plata fica a umas 6 horas de Buenos Aires. É uma cidade costeira simpática, e logo aprendemos a nos virar por lá, sendo arquitetura urbana bem regular e simples. E o taxi é super barato também !

Pictoplasma

O Pictoplasma é uma organização de origem alemã, que incentiva e a arte e o design de personagens. Desde 1999 eles têm promovido conferências, publicado livros e mantido um arquivo amplo de personagens de designers e artistas do mundo todo. Nesse caso, o Pictoplasma foi um evento à parte, mas que aproveitou o Trimarchi pelo público que ele trouxe para a cidade. Foi um dia inteiro de evento, que terminou numa festa de máscaras, onde o povo recebia uma máscara em branco na entrada, a decorava com canetas e tesoura, e só entrava com ela.

Pictoplasma
Pictoplasma

Primeiro houve uma apresentação dos fundadores, mostrando o que tem acontecido no cenário geral de character design.

Depois, uma exibição de curtas, todos os quais podem ser encontrados nesse PDF.

Em seguida, os palestrantes foram Juliana Pedemonte – Colorblok, Gangpol & Mit, Motomichi Nakamura, Studio AKA e Shobo Shobo.

A argentina Juliana Pedemonte faz personagens super coloridos, e que têm uma aparência bem única. Seu studio Colorblok é quem leva o crédito de trabalhos de ilustração e motion para MTV, VH1, Zune, Nickelodeon e outros.

Gangpol & Mit
Gangpol & Mit

Gangpol & Mit é a dupla francesa formada por Guillaume Castagne e Sylvain Quément. Eles trabalham juntos, um criando a música e o outro, os personagens e os clipes para ilustrar. Seu estilo é um tipo de Space Age pop, com músicas lo-fi e gráficos simples, compostos por formas básicas e cores vivas. Os caras pareciam muito prepotentes, com piadas sem-graça e muito esforço pra um trabalho que, na minha opinião, é meio bobo e até feio. Mas como hoje em dia o feio vende, parabéns pra eles.

Motomichi é um japa que desenha monstros. A particularidade do seu trabalho é o uso mínimo de cores: Preto, branco e vermelho. Seu trabalho gráfico se extendeu para criar toys, produtos e videografismo, quando ele se transforma em VJ. Ele foi responsável pelo cartaz do Pictoplasma.

Studio AKA é um estúdio londrino de animação, dirigido por Marc Craste. Eles já fizeram trabalhos para BBC, Lloyds Bank, Compaq, Orange, e também algumas curta-metragens. Eu me arrependi de ter perdido a palestra, mas aqui vai o reel deles, e um curta que passou lá também, que pra mim foi o melhor:

ShoboShobo
ShoboShobo

ShoboShobo (Mehdi Hercberg) é um francês muito louco que faz o que gosta. Sua palestra foi uma mostra dos seus projetos, instalações, música e desenhos. No geral, seu trabalho é bem perturbado, e não conseguiu me atrair muito. Mais um exemplo de que o tosco vende.

Do lado de fora do auditório haviam painéis tipográficos super interessantes, de tipógrafos latino-americanos.

Enfim, muitas coisas boas e algumas coisas ruins popularam o auditório do Pictoplasma. Foi um showcase de trabalhos de arte contemporânea e design, então a diferença de opiniões é sempre presente. É como ficar o dia todo assistindo aquelas vinhetas da MTV.

TriMarchi DG

Sexta começou o TMDG. Junto com ele chegaram nossos amigos Caligraffiteiros Nuno e Uno, e outros da patota. Uno já deu uma boa varrida no que ocorreu nos 3 dias de evento, então eu posso destacar as melhores partes que achei.

O pessoal do estúdio Mopa, de Brasília, deu um show. Mostraram sua ideologia de trabalho e alguns projetos que realizaram desde o material do nDesign de Brasília. Em 2 anos eles já fizeram trabalhos para ComputerArts, Fiat, Super Interessante, e recentemente foram convidados pela Johnson & Johnson para consultoria de redesenho da linha Sundown. Além do talento e bom gosto, os valores e os ideais do grupo diante qualquer trabalho é o que garante o sucesso. Isso é visível até no próprio projeto interno de apresentar seu portfólio: Fotografias subaquáticas e light painting, para representar os projetos como sendo frutos do fantástico mundo de Mopa.

Estudio Mopa
Estudio Mopa

Psyop foi outro destaque nas palestras. A dupla de representantes mostrou seu método de desenvolvimento de conceitos para projetos de motion graphics. Campanhas como a da Converse, Coca-Cola, Century 21 e Guinness começam com boards conceituais que representam o sentido geral do vídeo. Assim o cliente pode ter uma idéia ampla do que vai ser feito, e que tipo de estética terá. E as modificações são feitas de modo seguro, evitando re-renders significativos que atrasam e bitolam o processo. Foram mostrados também projetos internos e outros que não foram completados, e ficaram só nos conceitos.

Marian Bantjes foi uma das minhas grandes espectativas do Trimarchi. E valeu a espera. Seu bom-humor fez da palestra um rico aprendizado sobre o que acontece quando encontramos aquilo que gostamos de fazer, e fazemos para ganhar a vida. Isso apoiado pelas suas engenhosas peças tipográficas e linhas rebuscadas para Stefan Sagmeister, Saks Fifth Ave., Typecon e Creative Review. Só achei meio desnecessário e cansativo ela ter lido os 16 textos que desenhou para o Creative Review. E nunca esqueceremos daquela tosse que ela arrumou no final ! Coitada.

Joshua Davis
Joshua Davis

Mas o que valeu mesmo, como Uno e Nuno já disseram aí, foi o Joshua Davis. Até então todo mundo foi bem sério com suas conversas. Até o momento que chega esse maluco todo tatuado, brincando com a luz spot, quebrando microfones e tomando muito Red Bull. E o chaos no seu trabalho o justifica. Joshua é como um Pollock da atualidade – do mesmo jeito que Jackson Pollock controlava seu pincel, Joshua controla seus parâmetros no Actionscript. E do mesmo jeito que a tinta de Pollock caía sobre a tela, as formas de Joshua aparecem na tela, e nenhuma peça é igual à outra. Com essa multidisciplinaridade ele encontrou seu estilo e o vendeu para Nokia, Motorola, BMW, e se tornou uma celebridade do design digital.

E além da palhaçada e das risadas, vieram as lições. Uma que não sai da cabeça é

É difícil ver o seu ambiente, quando você está no seu ambiente. Procure o visível invisível.

Joshua contou como que ele foi chamado inúmeras vezes para palestrar no Japão, sobre trabalhos que ele tinha feito lá. E as pessoas aplaudiam sempre. A verdade é que ele estava sempre mostrando trabalhos feitos com referências e conteúdo japoneses, que eles não viam porque eram elementos do cotidiano. E é por isso que a melhor coisa é agente voltar com o olhar para a infância, quando vemos tudo pela primeira vez. Para a época em que somos os mais criativos, porque tudo é novo. David Carson dizia a mesma coisa, quando justificava suas constantes viagens pelo mundo. Quando tudo é novo, não vemos as limitações. Aí criamos.

Conclusão

Escrevi isso em outro lugar, mas num faz mal. Copyright num vale pra mim mesmo:

Achei excelente o evento. Fui com o olhar comparativo aos Ndesigns e Rdesigns, e realmente o Trimarchi foi uma experiência bem única.

Muito bom estar em outro ambiente, com muita gente que um dia vai estar lá palestrando e mostrando seu trabalho também. Muito bom escutar as lições dos melhores – sucesso do Mopa, palavras da Marian e do Joshua. Muito bom conviver com o resto do mercado em um só lugar, e ver as artes que o pessoal está fazendo.

Ruim ? Não lembro de muitas coisas ruins. Mas acho que a pior foi o fato do EBoy não ter ido. Tava esperando o que os caras iam mostrar, desde que fiquei sabendo do Trimarchi. Espero que ano que vêm dê pra acontecer.

No geral, não tem como esses eventos serem ruins. Encontros são sempre essenciais, em qualquer ramo profissional. Todo mundo tem que conviver com a sua comunidade, pra saber onde está e quem faz o quê. Uma coisa é você receber feeds do mundo todo, mostrando o que anda sendo feito por aí. Outra é viajar pra longe e ficar vários dias com 5000 pessoas que compartilham o interesse e o amor pelo design e pela arte. E eu não sei o que as pessoas que não participam de encontros assim estão achando que vão conseguir na sua jornada de sucesso.